Em 3 semanas, 120 cristãos são assassinados na Nigéria

Cristãos são mortos na Nigéria Foto: World Watch Monitor

A Nigéria enfrenta uma onda de assassinatos de cristãos. Nas últimas três semanas, pelo menos 120 foram mortos. O massacre é promovido pelo grupo jihadista Fulani, considerado ainda mais letal do que as milícias de Boko Haram. A informação é do Christian Post.

Segundo o jornal, entre as vítimas estão crianças e mulheres.

O método para a chacina envolve ataques surpresas a tiros, incêndios criminosos de casas e templos, além de bombas.

Somente em 2018, os Fulani assassinaram milhares de cristãos na Nigéria e estão sendo responsáveis pelo que autoridades estão chamando de “genocídio cristão na Nigéria”.

LEIA TAMBÉM+ Desabamento deixa mais de 100 crianças soterradas
+ Nova Zelândia endurece leis de posse de armas após ataque
+ 39 vítimas de atentado a duas mesquitas seguem internadas

image
Clique para receber notícias