Em atualização Noite de vitória para "Roma" e empate entre Lady Gaga e Glenn Close nos Critics' Choice Awards

“Roma” derrotou a forte concorrência de “Black Panther”, “A Favorita” e “Assim Nasce Uma Estrela” para ser eleito o melhor filme de 2018 nos Critics’ Choice Awards, reforçando o estatuto como o favorito claro dos críticos na temporada dos prémios.

O filme de Alfonso Cuarón ganhou ainda nas categorias de Filme Estrangeiro, Realização e Fotografia durante a cerimónia em Los Angeles no domingo à noite.

Os Critics’ Choice Awards são votados pela Broadcast Film Critics Association, a maior organização de críticos de televisão, de rádio e de meios online dos Estados Unidos e do Canadá. Nos últimos anos, mais de 70% dos vencedores receberam Óscares e na categoria de Melhor Filme, as escolhas coincidiram 13 das últimas 18 vezes.

“Roma” ganhou mais prémios de associações de críticos do que qualquer outro filme, mas “Assim Nasce Uma Estrela” era visto como um forte concorrente nestes prémios que costumam alinhar o palmarés com os gostos do grande público. O filme de Bradley Cooper acabou por só ganhar dois prémios e ambos foram para Lady Gaga, que ganhou pela canção “Shallow” e empatou com Gleen Close (“A Mulher”) na categoria de Melhor Atriz.

“A Favorita”, a comédia dramática sobre duas mulheres que disputam a atenção da frágil rainha inglesa Ana na Inglaterra do século XVIII, que liderava com 14 nomeações, acabaram por ficar apenas dois prémios: Melhor Elenco e Melhor Atriz em Comédia para Olivia Colman.

Digno de nota foi também a desilusão com “Black Panther”, a primeira grande produção da Marvel a estar na corrida para Melhor Filme nestes prémios, que ganhou nas categorias técnicas de Design de Produção, Guarda-Roupa e Efeitos Visuais, falhando outras nove nomeações, nem sequer conseguindo arrecadar Melhor Filme de Ação, atribuído a “Mission: Impossible – Fallout “.

A comédia dramática “Vice” conseguiu dois prémios para Christian Bale, como Melhor Ator e Ator em Comédia, e ainda Caracterização, enquanto “Se Esta Rua Falasse” foi distinguido pela Atriz Secundária Regina King e o Argumento Adaptado.

“Homem-Aranha: No Universo Aranha” foi votada a Melhor Animação e “Um Lugar Silencioso” o melhor em Ficção Científica ou Terror.

Nas categorias televisivas, “The Americans” foi a grande vencedora, com prémios para a despedida como Melhor Série Dramática, o Melhor Ator Matthew Rhys e Melhor Ator Secundário Noah Emmerich.

Em comédia, “The Marvelous Mrs. Maisel” acumulou Melhor Série e a Atriz Rachel Brosnahan e Atriz Secundária Alex Borstein.